Castlevania – Análise Da Segunda Temporada

Fala Nerdssauros, tudo bom com vocês? Hoje eu estou aqui para falar sobre a segunda temporada de Castlevania que estreio ontem dia 26 de outubro na Netflix, então já sabe neh? Se você ainda não assistiu a segunda temporada pare agora de ler essa matéria e vá ver a serie para evitar spoilers.

Para aqueles que não se recordam da primeira temporada, a história começa contanto como o Drácula conheceu sua futura esposa Lisa, uma mulher simples que estava em busca de conhecimento para usar a ciência para curar as pessoas e de certa forma ela acabou não só curando as pessoas, mas o Drácula também.

Mas durante uma viagem que o vampiro fazia sua mulher Lisa Tepes foi acusada de bruxaria pela Igreja pelo simples fato deles não compreenderem a ciência por trás dos métodos de cura que ela realizava e devido a isso ela foi queimada viva em uma praça publica e assim que Drácula descobriu o ocorrido ele jurou se vingar dos humanos e deu um prazo de um ano para que eles se reconciliassem com Deus antes que ele viesse e trouxesse sua irá perante toda a humanidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Após esse prazo de 1 ano Drácula cumpriu sua promessa…ela havia reunido um exército de demônios para acabar com toda a raça humana e assim tem inicio uma guerra das criaturas das trevas contra os homens.

Durante essa guerra um trio de pessoas incomuns acaba se reunindo, um deles é um excomungado da Igreja chamado Trevor Belmont que vem de uma família caçadora de monstros, a segunda integrante é uma mulher chamada Sypha Belnades que é uma maga e por fim temos o soldado adormecido que é o Alucard, filho de Drácula.

E assim damos inicio a segunda temporada da serie onde o trio de heróis buscam uma forma de matar o Drácula e enquanto a busca deles continua vemos que do outro lado da guerra as coisas também não estão indo muito bem pois os generais de guerra do conde Drácula estão começando a questionar seus métodos e objetivos na guerra onde eles temem acabar com todo a humanidade e acabarem sem alimento para eles.

Conforme a trama vai avançando na serie percebemos que o real plano de Drácula não é apenas acabar com a humanidade, mas também acabar com a própria vida e assim cessar a dor que ele sente por ter perdido sua esposa.

Podemos observar que o Drácula não se alimenta a algum tempo e devido a isso ele está sempre cansado e com seus poderes enfraquecidos e ele compartilha a verdade sobre seus planos apenas para um homem, um humano conhecido como Isaac que é seu melhor amigo e um dos conselheiros de guerra.

Em paralelo temos uma motim sendo tramado dentro do castelo de Drácula, onde a vampira Carmilla manipula Hector que é um mestre de forja e também um conselheiro de guerra e com isso ela se aproveita para tentar manipular Drácula e tirar ele do poder porém quando a Carmilla inicia o ataque ela acaba não sendo a única a atacar o castelo pois nossos três heróis que buscavam uma forma de derrotar o conde acabaram criando um feitiço para tele transportar o castelo de Drácula e com isso o motim vai por água baixo pois o castelo desaparece e a maioria das tropas dela foram destruídas no processo.

Após o tele transporte do castelo nossos heróis o invadem em busca do conde e devo dizer que essa parte é uma das melhores cenas de luta de toda a série pois temos Vlad Drácula Tepes contra Alucard e podemos ver que mesmo o Drácula estando enfraquecido por não se alimentar a tempos, ele ainda continua sendo absurdamente forte mas com a ajuda de Trevor e Sypha Drácula finalmente é morto.

Apesar da morte do principal vilão da história podemos imaginar o que a Netflix planeja para a terceira temporada da série, visto que no final temos Isaac formando um exercito de mortos e Carmilla escravizando Hector para criar um exército para ela e repor as perdas que ela teve durante seu motim.

Será que iremos ter uma guerra de mortos onde um lado é comandado por Isaac e o outro pela vampira Carmilla?

Realmente a primeira temporada de Castlevania começou com tudo e na minha opinião essa segunda temporada também não deixou a desejar, a Netflix está fazendo um excelente trabalho com a série.

A terceira temporada de Castlevania foi confirmado para junho de 2019 pelo Richard Armitage que é o ator que da voz ao personagem Trevor Belmont.

Siga @Nerdssauros