GOT: “A loucura e a grandeza são dois lados da mesma moeda”

Toda criança sabe que os Targaryen sempre dançaram muito perto da loucura. Seu pai não foi o primeiro. O rei Jaehaerys me disse uma vez que a loucura e a grandeza são dois lados da mesma moeda. Toda vez que um novo Targaryen nasce, ele disse, os deuses jogam a moeda no ar e o mundo segura a respiração para ver como ela vai pousar.”_  Sor Barristan Selmy.

Com os últimos acontecimentos envolvendo Daenerys, uma frase nunca se tornou tão apropriada: será de Dany realmente enlouqueceu igual ao rei louco ou a sede pelo poder a tornou tão insana quanto o próprio pai? Bem eu acredito que ela não tenha adquirido tal doença hereditária, ficando isso para seu irmão Viserys que claramente tinha um parafuso a menos.

Dany desde a primeira temporada (não entrarei em critérios do que se passa nos livros, pois isso já virou uma fanfic tem tempo), vem sendo uma personagem construída para que no fim tudo desencadeasse em uma instabilidade da personagem como ocorreu ali. Alegar que a loucura dominou ela naquele momento fazendo ela tacar fogo em todo mundo só porque sim, acaba por se tornar um desrespeito a criação da personagem até aqui.

Dany sempre teve essa  vontade de dominar Westeros a todo custo. Ela fez muitas coisas que foram tidas com “más” para chegar onde chegou. Foi complacente algumas vezes, mas em sua maioria assumia alguma atitude de cunho moralmente duvidoso.Isso é totalmente justificável até ali, pois não haveria como conseguir respeito apenas com diplomacia, porém ela tentava sempre se manter firme com o ideal de ter o mínimo de mortes.

Com a grande baixa que teve na Grande Batalha, lutando uma luta que não era sua naquele momento (afinal seu principal objetivo era pegar o trono e depois ir ao Norte),depois partindo rumo ao Sul e vendo mais um dragão e a pessoa que tinha como uma das pessoas que mais amava morrer, só despertou em Dany o que antes estava adormecido e é cravado nos Targaryen como lema da casa: Sangue e fogo.

É sabido que nenhum dos Targs que chegaram ao poder (na verdade nenhum personagem que chegou) foi de forma pacífica, mas o que levou  Dany àquela atitude, acredito eu, foram todos esses acontecimentos traumáticos, além do fato de ela ter certeza de que mesmo que salvasse aquele povo, eles nunca a veriam como rainha e que “dividir” o trono com Jon seria algo fora de cogitação então preferiu agir de forma que tivessem medo e assim finalmente ninguém mais se oporia ao seu domínio. E pra ela tudo bem reinar assim, até porque como ela mesma citou ela não tinha mais ninguém.

Durante os 300 anos dos Targaryen no poder apenas o Rei Aerys pode ser taxado como realmente louco. Vários outros da linhagem cometeram crimes insanos, mas nada levados pela  loucura e sim pela arrogância e ganância para conquistar seus objetivos. Então porque somente com a Dany a história seria diferente? O que realmente teria acontecido em sua trajetória para que por um lapso de tempo ela fosse complacente com situações que a impedisse de chegar ao seu tão sonhado trono?

Por fim e não menos importante: Porque Aegon para chegar ao poder usou dessa mesma tática de Dany e ficou conhecido como o “O Conquistador” e Daenerys agindo da mesma forma é taxada de louca? Complicado.

Agora é esperar esse último episódio para ver o real desfecho de tudo isso. abaixo o teaser do próximo episódio.

Amanda Andrade

Livros, cervejas e nerdices. Me segue no insta? @mandyavanna :)

Siga @Nerdssauros