A Vida na Porta da Geladeira – A Vida Como Ela É

Se estiver procurando um livro calmo, relaxante, divertido, rápido de ler, e que te impacte no final, uma boa dica é sem sombra de dúvida A Vida na Porta da Geladeira de Alice Kuipers.

A história é sobre Claire, uma adolescente de 15 anos e sua mãe. Ambas estão sempre com a vida muito corrida, então elas quase não se encontram. Por causa disso as duas se comunicam através de bilhetes que deixam colados na geladeira. Na época não existia WhatsApp, mas acredito que hoje em dia ainda deva ter pessoas que façam isso, mesmo que jovens.

Então o livro não tem um texto, com diálogos, parágrafos, não. O que nós vamos lendo ao longo de suas páginas são esses bilhetes. Uma ideia bastante criativa. E só com esses pequenos recados vamos sabendo o que se passa na vida dessas duas, seja escola, trabalho, quem deve limpar a gaiola do coelho de estimação, amigos, compromissos, conhecemos até o namorado da Claire, sempre sobre a perspectiva dela e da mãe, claro.

Pesquisando um pouco sobre o livro, que não é como se fosse a obra mais popular de todas, me surpreendi a quantidade de gente que já leu ele. Muitas pessoas adoram esse livro. Até achei no YouTube atores amadores interpretando as personagens.

Então, mesmo com tão pouca coisa escrita, é um romance que sabe passar muito bem o drama e as emoções e medos das personagens. Altamente recomendável.

Colunista: Walter Niyama é estudante de jornalismo pela ESPM, tem 21 anos, adora livros e artes em geral e é autor publicado de dois romances: “O Mistério dos Suicidas” e “Guardiões de Sonhos – As Portas dos Pesadelos”.

Siga @Nerdssauros