Clássico atualizado, The World Ends with You!

The World Ends with You, ou conhecido no Japão como “It’s a Wonderful World” é um JRPG de ação diferente da maioria dos jogos de seu gênero, onde traz uma história e gameplay excelentes, misturando músicas e um estilo artístico único. Tudo isso Inspirado na cultura jovem japonesa de Shibuya, cidade onde se passa o game e que é um dos bairros de Tóquio marcado pelas tendências e inumeráveis lojas de moda, isso chega até os personagens com suas roupas e acessórios bem coloridos e exagerados.

Desenvolvido pela equipe de Kingdom Hearts da Square Enix, o game chegou primeiramente para o portátil Nintendo DS em julho de 2007, posteriormente veio com gráficos totalmente em HD para Tablets e Mobile em junho de 2014 e em 2018 temos a versão Final Mix, com mais partes de história para o Nintendo Switch.

A história do jogo é protagonizada por Neku, um garoto meio anti social que sempre está escutado música bem alta no seu fone de ouvido, ele acorda no meio da rua lotada da cidade de Shibuya, sem memórias de como foi parar ali e com um misterioso botton com um desenho de caveira em suas mãos, ele percebe que ninguém o escuta e o enxerga, e no meio dessa loucura, monstros em forma de sapos começam a persegui-lo. 

Resultado de imagem para the world ends with you pins

A história acontece em duas realidades, a primeira no mundo real, e a outra é uma dimensão paralela, chamada Underground (UG), ou submundo. Neku e os personagens que aparecem na história descobrem que estão mortos, e que estão participando de um jogo chamado “The Reapear’s Game”, que durará 7 dias e que o vencedor poderá ser revivido.

Durante a semana que será jogada, cada dia equivale a uma fase do jogo e há uma missão diferente recebida por mensagem de texto no celular, essa missão vem com uma contagem regressiva que fica estampado na mão dos jogadores, caso essa contagem chegue a zero, os personagens serão “apagados”, ou seja morrerão totalmente. 

No Reapear’s Game, não é possível participar sozinho, então durante a História, Neku terá alguns companheiros que o ajudarão e que tem o mesmo objetivo de ganharem uma nova vida. Conforme ele desenvolve amizades com seus parceiros, ele começa a entender as regras do jogo e relembrar como sua morte aconteceu. 

O sistema de batalha é totalmente pensado no Touchscreen, derrotamos os monstros fazendo magias coloridas e golpes rápidos, tudo desenhando na tela de toque, porém o game utiliza as várias funções dos portáteis que foram lançados. No Nintendo DS temos golpes que são realizados soprando no microfone do portátil, já nos Tablets, por exemplo, temos golpes que realizamos balançando com o giroscópio.

The World Ends with You recebeu avaliações positivas, cujos gráficos agradam, jogabilidade inovadora, porém um dos destaques é a trilha sonora de boa qualidade, com várias músicas cantadas que remetem o J-POP, J-ROCK e Hip Hop, produzidos para acompanhar as várias tendências de Shibuya.

O game traz um banho de história, trazendo várias referências da cultura e locais reais de Shibuya. Uma delas é a estátua do cachorro Hachiko, que desde a morte de seu dono em 1925 e durante 10 anos, continuou indo à estação de trem todas as tardes para esperar o retorno de seu dono da universidade, como havia feito durante sua vida.

The World Ends With You: Final Remix, a última versão do game está disponível para o Nintendo Switch, então quem ainda não conseguiu jogar, é uma ótima chance para aproveitar esse clássico!

Conhece The World Ends with You? Compartilhe com os Nerdssauros!!

Diego Henrique

Prazer, sou o Diego Henrique ! Trabalho como analista Financeiro, porem fora do trabalho vivo e respiro mundo Nerd, Gamer, Geek e Otaku. Fã de animes, heróis, ninjas e poderes especiais. Adoro jogar games de luta e JRPGs.

Siga @Nerdssauros