Brasil Game Show: O que rolou durante a feira pós e contras sobre evento!

E ai pessoal!

Falar da BGS é sempre um prazer, cada segundo do evento traz ao visitante uma experiência que varia entre nostalgia e diversão. Mas o que falar desta feira?

Vou iniciar esta matéria falando sobre as experiências positivas que tive no evento, e claro empolga-los a comparecerem conosco nas próximas edições.

Os estandes estavam este ano bem organizados, não tiverem muitas atividades longas que te faziam ficar horas e horas na fila para poder testar um game ou ganha um dos brindes do evento. Infelizmente alguns ainda insistiram em atividades longas que rendiam de 3 a 4 minutos por pessoa fazendo filas que duravam horas, porem este ano eram minoria.

Magazine Luiza arrazou nas promoções!

Ao meu ver este foi o melhor ano para fazer compras, tinham vários artigos desde figure actions, funkos pop e entre outros com preços incrivelmente acessíveis. Os jogos então tinham muitos que eu via por em media de R$250,00 fora do evento e este ano comprei vários deles por valores entre R$70,00 à R$ 150,00 o que acredito ser um valor consideravel. Espero que os próximos anos seja deste mesmo modo pois ano que vem irei encher o porquinho para comprar novos jogos.

As atrações como os jogos indies me chamaram muita atenção, teve muitos jogos que prometem muito e o mais legal é que foram feitos por brasileiros. Pude jogar muitos deles e irei fazer matérias especiais falando sobre cada um deles individualmente para que vocês possam se preparar para jogar eles em breve.

A BGS e o lugar ideal para fazer novas amizades e curtir com os amigos, curtir um fliperama com a turma pode trazer aquela nostalgia e toda a magia que a feira deseja trazer para voce.

Este ano superou todas as minhas expectativas, já esperava um evento incrível mas este .. foi o melhor com relação as edições anteriores que já eram muito boas. Porém nem tudo é flores …

Mesmo a feira sendo incrivel e cumprido o que a empresa desejava, eu e outras pessoas tivemos problemas com relação aos seguranças do evento. Em momento algum quero culpar a BGS ou falar mal da feira mas sim ressaltar meu descontentamento com relação aos seguranças que desde a quarta feira estavam agindo com um temperamento aparentemente agressivo, inclusive comentários preconceituosos, machista e alguns até aparentemente com tom de ameaça.

Houve inclusive o caso de um cosplayer que foi agredido e torturado pelo vários seguranças e fazendo parte da mesma comunidade fiquei muito chateado e preocupado pois poderia ser comigo já que ouvi comentário do tipo “cuidado pois pode pegar alguém mais enfezado” de um dos seguranças.. Bom voltando ao cosplayer ele foi terrivelmente torturado, teve lesões sérias e a média fez questão de usar o nome da BGS como responsável. Entendo que a empresa que contratou o serviço dos seguranças mas devemos levar em conta que não havia como a BGS saber se os seguranças iriam ou não agir dentro do combinado. A Brasil game show se pronunciou e inclusive ofereceu todo o apoio ao cosplayer e inclusive fez uma nota informando que não irá mais trabalhar com a empresa x de segurança.

Parabéns pela atitude responsáveis pela Brasil game show, entendo que foi um caso aparte e digo que tirando a conduta antiprofissional dos prestadores de serviço, todos os colaboradores da empresa em si prestaram um ótimo atendimento, estavam com um belo sorriso no rosto e ajudaram a tornar uma experiência incrível. Espero poder comparecer em outras edições e saber que medidas foram tomadas.

Então pessoal, e isso! Quem perdeu está edição já deve começar a se preparar para a próxima pois muita coisa vem aí. Lembrando que 2020 e o ano da próxima geração de vídeo games então teremos muitas novidades que vocês poderiam acompanhar em nosso site e nas nossas redes sociais.

E aí compareceu na BGS deste ano? O que achou? Comenta aí e compartilhe com os amigos !!

Siga @Nerdssauros