Resenha: Que fim levou Juliana Klein? (Marcos Peres)

Um dos autores brasileiros do momento que você precisa conhecer é Marcos Peres. Ele é o autor do premiado livro “O Evangelho Segundo Hitler”. Mas não é desse livro que trataremos hoje, e sim “Que Fim Levou Juliana Klein?”.

A história se passa em Maringá, cidade natal do autor, onde acompanhamos a investigação do delegado Irineu de Freitas. Freitas é o típico investigador durão e pragmático. Mesmo assim nos encantamos por seu personagem enquanto ele busca a verdade em torno do caso que envolve as famílias Koch e Klein.

Duas famílias de origem alemã e renomadas academicamente. Os Klein dominam a Universidade Federal do Paraná (UFPR) enquanto os Koch dominam a PUC-PR. Ambas na área de filosofia e das quais são rivais em suas teses. Mas essa rivalidade tem origens históricas que remontam aos seus ancestrais na Alemanha.

Freitas precisará entender a relação entre as duas famílias se quiser decifrar o desaparecimento da professora de filosofia Juliana Klein. Mas sua investigação não estará completa enquanto ele não entender os filosos antigos, de Platão a Nietzsche. Pois só assim conseguirá entrar nesse mundo e entender o que de fato aconteceu.

Com os capítulos intercalando entre as épocas, Marcos Peres constrói sua história misturando filosofia com investigação policial numa trama envolvente. Como se a dúvida, que é o título, fosse uma semente que é plantada em nossa mente quando olhamos para a capa. Essa planta cresce e cresce e só nos livraremos dela quando a decifrarmos (ou não?).

Colunista: Walter Niyama é formado em Jornalismo pela ESPM-SP. Além do Nerdssauros também escreve para o Converge-Jornalismo. Também é autor de três livros publicados: O Mistério dos Suicidas; Guardiões de Sonhos – As Portas dos Pesadelos; e Anos Atrás – Uma História de Santiago Valentim.

Siga @Nerdssauros